A mãe no bailarico em noite de “lua azul”

Cumprido o ritual dos romeiros, muito antes dos romeiros chegarem, a mãe não perdeu tempo em sintonizar os bailaricos que, em noite de sexta-feira já animavam o adro da igreja.

Rapidamente, a mãe esqueceu as horas e, em noite de “lua azul”, consolou-se dos muitos anos em que, devido à sua “grande cruz”, não conseguia seguir os bailaricos com a atenção que o espectáculo merece.

Este ano, confessou a mãe, apesar da festa ainda não ter verdadeiramente começado, “o bailarico estava forte” e, embora não tenha dançado, assistiu a tudo do coreto. Foi uma noite de “lua azul” em grande, fora de casa até de madrugada. Felizmente que o pai estava a ver tudo!…

            

Advertisements
Esta entrada foi publicada em Família. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s