APOIAR A MÃE E AVELINO

“Com paciência e perseverança muito se alcança.” (Théophile Gautier)

O tempo que se passa na Lombada é de algumas festas e reuniões familiares mas também é de ajudar a mãe e Avelino. Agora…. mais do que nunca porque, de novo, a escola não o vem buscar a casa e, como sabem, fica bastante longe da Lombada, no Rosário.

Todos sabemos que não é fácil ajudar a mãe… a sua idade e as suas doenças provocam comportamentos e atitudes difíceis de lidar: a sua agitação, ansiedade e stress manifestam-se nas dúvidas sobre os medicamentos, no café entornado, na lenha que não começa a arder, no esquecimento da panela ao lume para poder visitar as galinhas, no esquecimento das torneiras abertas e do bicos de gás, etc… E, como já ficou aqui escrito no nosso blogue, nos intervalos aparecem as recordações das dificuldades vividas.

Para que o quadro não se agrave é importante manter as rotinas, não haver passeios a mais, isto é, manter o equilíbrio e assegurar um ambiente sereno e tranquilo. Qualquer alteração da rotina, passeios e saídas a mais, provoca mais stress e maior ansiedade e… consequentemente, aumentam os riscos de se engasgar nas refeições, facto com tendência a aumentar e que comporta risco de vida.

Esta entrada foi publicada em Família. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s