AS NOVAS DO 28

Hoje acordámos com um objectivo muito concreto: ir a S. Vicente para tratar dos Cartões de Cidadão para a mãe e Avelino (é que os dois perderam os cartões de utente).

Na Conservatória de S. Vicente, Avelino despachou-se nuito rapidamente: fez pose de artista e a fotografia saiu muito bem. A mãe é que se demorou um pouco mais: a máquina não conseguiu reconhecer a impressão digital do indicador esquerdo nem detectou, à primeira, a selecta assinatura de Ana Gregória de Canha. Mas, no fim… tudo se resolveu.

Depois de uma ida ao banco, fomos à procura do almoço que, supostamente, estaria feito por Marta. Mas…. nada…

Por isso, almoço feito à pressa… Como todos sabemos, “depressa e bem há pouco quem: o esparguete e a carne de vinho e alhos ficou “levemente” picante, mas a fome era tanta que todos achámos um pitéu.

O Programa do dia ainda não estava completo: faltava chegar a casa de Teresa para nos prepararmos para a Corrida de S. Silvestre do Funchal.

Como a tarde estava por nossa conta, decidimos parar em Câmara de Lobos e visitar o ilhéu, sítio que nenhum de nós ainda tinha visto.

Aproveitámos o passeio e visitámos a exposição de Meninos Jesus na Casa da Cultura, comprámos um Menino Jesus para o presépio lá de casa (parece impossível: perderam o Menino…), fomos à igreja e encontrámos o padre. A mãe, previdente, pediu logo para benzer o Menino pois só depois poderia ser colocado no presépio.

Por fim, chegámos a casa de Teresa: Manuel tinha preparado um jantar de príncipes e princesas: peixe guizado com semilhas, arroz de cogumelos e couve portuguesa temperada com azeite e alho. Todos ficámos cheios de vontade de lá voltar para, mais uma vez, apreciar o bom jeito culinário do casal Garcês Ferreirinha.

Eram 18 horas e 45 minutos. Estava na hora de as atletas se prepararem para o grande evento da noite: a 52ª Corrida de São Silvestre/Volta à Cidade do Funchal.

Os homens estavam resignados: Victor, Manuel e Avelino tinham sido destacados por Teresa para acompanharem a mãe.

Teresa, Celina e Marta vestiram as camisolas, colaram o dorsal e ataram o “chip” respectivo.

Teresa foi a mais despachada. Saiu de casa em passo de corrida, encetando de imediato o aquecimento necessário a esta tipo de prova.

Mesmo antes do início da prova, a chuva pregou uma partida a todos. Fugimos imediatamente para os abrigos possíveis. As atletas da casa ficaram desanimadas. Mas o S. Pedro foi amigo de todos: durante toda a corrida a chuva deixou de ser uma preocupação.

A partida foi dada e Teresa tomou a dianteira; as outras manas seguiram a passada. Celina quis ganhar a corrida, mas a organização nao deixou; penalizou-a afirmando que a pista nao era aquela que Celina queria, era outra, um pouco mais longa. Eu acredito que se nao fosse a má vontade da organização, a esta hora não era a Jéssica Augusto nem o Eduardo Mbengani a cantar vitória, era a Celina – podem acreditar no que vos digo.

Manuel fez questão de apoiar Teresa e não a deixar desanimar durante a corrida. Victor, mãe e Avelino foram dar uma voltinha, tristes e abandonados. A tal ponto esta tristeza era pública e notória que uma senhora da organização se compadeceu e ofereceu uma sopa de trigo à mãe. Ela bem quis pedir mais uma para Teresa que, por certo, acabaria a corrida faminta, mas a senhora não repetiu o gesto altruísta: as sopas custavam 4 euros cada uma.

Celina e Marta aparecerem e, juntos, fomos provar os licores de ameixa, de pitanga e de araçal: que bons que eram.

Vimos o presépio gigante, as flores sempre belas, etc.

Dirigimo-nos à meta para ver a chegada triunfal de Teresa (a única a completar a corrida). Manuel estava nas nuvens e, sempre atento, recomendou: “É preciso entregar os ‘chips’ para receberem as medalhas“. No fim, até a mãe e Avelino receberam medalhas.

Já cansados de tanta novidade, regressámos e, mal chegámos a casa, o Menino foi colocado no lugar que, antes, estava vazio.

Amanhã há mais…

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Família. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s